20 de dezembro de 2020

Primeira experiência do Casal numa casa de swing

Por rick086

Meu nome é Lauro e minha esposa se chama Tatiane,eu tenho 1,75 moreno claro , magro,com um pau de 15cm, ela é loira 1,58, bucetinha rosinha e peitinhos médios também rosados com um bumbum branquinho grande e apetitoso.
Somos casados a 7 anos e temos 1 filha.
A mais ou menos 3 anos começamos a mudar nossa rotina sexual e começamos a falar de fantasias e ver vídeos de putaria na internet, eu sempre assisti estes vídeos, mesmo depois de casado, porém ela não tinha este hábito antes desta fase de nossas vidas.
No começo ela começou a pedir para ver filmes mais leves com sexo apenas entre um homem e uma mulher, depois conforme foi perdendo a vergonha ,começou a apreciar vídeos mais quentes principalmente que envolviam sexo amador grupal geralmente onde haviam mais homens que mulheres.
Começamos a ver muito vídeos também de casais em casas de Swing ,principalmente onde as mulheres estavam brincando naquele buracos chamados glory holes. Os vídeos e conversas aumentaram muito nosso apetite sexual, e dobramos o número de vezes em que fazíamos sexo durante a semana.
Tatiane começou a ficar mais safada na cama e enquanto transávamos gostava de fantasiar que era uma putinha, as vezes falava “”vai, come está esposinha que você encontrou na casa de Swing”” ,ou””vai mete rápido porque ainda tem uma fila de homens querendo me comer atrás de você”” ou ,””eu sou uma putinha do Tinder e fico o dia inteiro no aplicativo procurando alguém para dar”” e outras várias coisas que a deixavam bem excitada e eu também rsrs. Fazíamos isto com muita frequência em várias das vezes que transávamos porém quase nunca comentávamos sobre isto em momentos em que não estávamos transando.

Devido ao meu trabalho, sempre estou viajando e uma vez tive que ir a Curitiba para visitar um cliente, fui na segunda e durante a semana combinei de Tatiane vir no final de semana para curtimos um tempo nesta cidade incrível.
Durante a semana tive a ideia de tentar visitar uma casa de Swing com Tatiane durante a sua estadia,fiquei procurando na internet e decidi que seria na Vênus Club, depois disto era só convencer minha esposa a ir comigo no local.
Durante o restante da semana fiquei instigando Tatiane falando que estava doido para comer minha putinha em Curitiba ,que meu pau não podia pensar nela que já ficava duro e assim fui aquecendo a situação até o final de semana.

Tatiane chegou na sexta no início da tarde, larguei o serviço depois do almoço e fui buscá-la no aeroporto. Levei ela direto para o Hotel e lá chegando começamos a nos beijar e quando vi já estava chupando sua boceta e ela delirando na minha boca. Perguntei para ela se gostaria de ser minha putinha aquele final de semana e ela prontamente disse que SIM! Pedi para vermos um vídeo pornô e escolhi alguns de casais em casa de Swing, vi que ela ficou bem excitada vendo os vídeos. Perguntei se ela teria coragem de conhecer uma casa de Swing em Curitiba e aproveitar que não conhecíamos ninguém e ela demorou um pouco a responder e falou que achava que sim.Não perdi tempo e mostrei a que tinha escolhido durante a semana e ela achou a casa interessante e aceitou curtir esta experiência .Fui para cima dela e meti forte falando que ela ia ser a putinha do Swing e bombei até ela gozar.Resolvemos conhecer a casa naquela sexta mesmo, Tatiane vestiu uma sainha preta com uma calcinha minúscula com uma blusa verde com um decote bem generoso, eu fui de calça jeans e blusa polo.

– [ ] Chegamos na casa e uma mulher nos apresentou os ambientes rapidamente e percebi que Tatiane ficou impressionada com tudo tinha salas de glory hole, dark Room , salas privativas e quartos em que era possível ver as pessoas transarem , quartos para sexo grupal etc.. . No final da visita a mulher nos deixou numa área do primeiro andar onde tinha uma área de boate e um scoth bar. Sentamos em uma mesa e bebemos umas cervejas. Vi que haviam muitas mulheres gostosas e sensuais no local e algumas já começavam a dançar nuns pole dances que tinham na pista é isto me deixou com o pau igual uma pedra. Tatiane me pediu para subirmos para o segundo andar, fomos primeiro para a parte dos solteiros e vimos que estava bem mais cheio que quando foi nos

apresentado.Passamos por uns quartos onde conseguia se ver algumas pessoas transando e paramos para ver um pouco, mais para frente havia um quarto com uma cama bem grande acho que para sexo grupal onde tinha uma mulher de quatro chupando um homem que parecia ser seu marido e em volta um monte de homens se masturbando e tocando nela e outro homem metendo na buceta dela com outros homens atrás formando uma fila.
Ficamos encostados na parede observando a cena eu atrás e Tatiane na minha frente. Vi que Tatiane ficou extasiada com a cena e não tirava os olhos de tudo que estava acontecendo. Começou a entrar muitos homens e eu com receio

pedi para sairmos e ela hipnotizada pediu para esperarmos mais um pouco, ela começou a rebolar no meu pau e quando passei minha mão por debaixo da sua saia ela estava tão molhada que estava escorrendo pela sua perna, ao invés de prestar atenção na mulher que estava sendo currada fiquei tentando ver aonde a Tatiane estava olhando, percebi que além da mulher ela olhava muito para as rolas dos caras que estavam batendo punheta, principalmente na de um moreno que tinha uma cabeça do pau que parecia uma pêra de tão grande e desproporcional ao restante da piroca